One Outs – Nobody Wins, But I!

One Outs

Se tem um esporte que conheço pouco é o beisebol. Tão amado em terras nipônicas, e tão desconhecido pelo grande público brasileiro, o jogo segue como um pequeno mistério pessoal. Sincerante comecei a “entender” como se pratica através do Wii Sports (o que não é tão consistente assim, embora divertido). Não saberia nem dizer que “pitcher” significa “arremessador”. Então por que começar a assistir um anime sobre beisebol? É sobre essa questão que começo meu primeiro review por aqui.

Bom, um dos meus estilos preferidos de animes/mangás sempre foi o esportivo. Com aqueles ideais todos sempre presentes de amizade, persistência e vitória. E a produção de animes de beisebol é vasta, como por exemplo Major, H2 e Touch. Porém a opção por One Outs foi porque pareceu diferente dos demais (creio que estava certo), e está eu recomendo.

A questão toda é que One Outs vai além do beisebol. A trama segue abordando frequentemente apostas, flertando sempre com o gênero psicológico. A aposta inicial é entre o então ás do time Kojima, que em uma visita treino à Okinawa conhece Tokuchi Toua (o personagem principal), e através de uma aposta vencida em um jogo conhecido como One Outs acaba levando-o para jogar beisebol com o popular time dos Lycaons.
E por tratar-se de um enredo sobre um “jogador” (em todas conotações da palavra) isto leva naturalmente aos desafios financeiros entre Tokuchi e o dono do time. O salário do jogador é de acordo com a produtividade do mesmo, sendo assim o dono sempre coloca cláusulas e arma falcatruas para tentar lucrar em cima do sucesso promissor do pitcher (opa, aí está!). Porém o que ocorre é o salário de Toua aumentando progressivamente, terminando a série girando em torno do equivalente a  91 milhões de reais por ano!

Tokuchi age com frieza digna de um Light Yagami ao analisar as jogadas e consecutivamente ganhar as mais improváveis partidas. Levando o desacreditado time a conseguir resultados contra três fortes oponentes: Mariners, Bugaboos e BlueMars. Subindo na tabela, de acordo com a promessa de levar o time ao título nacional.

A grande pena é que a série tem apenas 25 episódios, consequentemente não vai muito longe no desenrolar do campeonato. O mangá por sua vez já está encerrado, e tem 20 volumes, publicados na Business Jump (com perfil seinen mangá). A esperança é que o anime continue com uma segunda temporada, mas por hora é só torcer e aguardar.

“Pay money To my pain – Bury” – Op de One Outs

Site Oficial: http://www.ntv.co.jp/oneouts/

Autor: Shinobu Kaitani
Diretor: Yuzo Satou
Produção: MAD HOUSE

Canal: NTV (07/10/08 até 31/03/09)

Episódios: 25

Download: http://tinyurl.com/oneouts (Fansub Bakayaro)

Deixe um comentário

Arquivado em Review

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s